Aprovada ajuda de R$ 6 bilhões ao campo

Agronegócio

Aprovada ajuda de R$ 6 bilhões ao campo

O CMN aprovou ontem, em reunião extraordinária, o pacote emergencial de R$ 6 bilhões em ajuda ao setor agropecuário
Por:
6 acessos
O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou ontem, em reunião extraordinária, o pacote emergencial de R$ 6 bilhões em ajuda ao setor agropecuário. As medidas foram anunciadas há 15 dias pelo ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, em Rio Verde, Goiás, e têm por objetivo amenizar os efeitos dos aumentos de custos, da queda das cotações e da desvalorização do dólar em relação ao real na atual safra.


As dívidas com investimentos serão prorrogadas com critérios diferentes, segundo análise caso a caso. Os produtores de municípios reconhecidos como áreas de emergência poderão rolar seus débitos para o final dos contratos. Quem estiver fora dessas áreas, mas comprovar perdas por estiagem ou renda insuficiente, poderá diluir a parcela de 2005 em até três anos. "Quem perdeu 40% ou 50% da safra não tem dinheiro para pagar. E o setor não tem gorduras para queimar", afirmou ontem Rodrigues durante reunião no Senado.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink