Agronegócio

Área de arroz aumenta 10% em Mato Grosso

Com a nova projeção, a área plantada deve passar de 300 mil para 330 mil hectares
Por: -Marco Aurélio Jr
1 acessos

O presidente da Associação dos Produtores de Arroz de Mato Grosso (APA/MT), Ângelo Maronezzi, disse ontem (11-12) ao Diário de Cuiabá que espera terminar o plantio do cereal com um aumento de 10% na área plantada em todo o Estado, sobre os números da safra passada. Com a nova projeção, a área plantada de arroz deve passar de 300 mil hectares (ha) para 330 mil.

No entanto, Maronezzi destaca que a previsão ainda não é oficial. “Estávamos fazendo um levantamento, mas paramos. Vamos esperar até janeiro [quando termina o plantio] para termos os números exatos. Mas é possível que tenhamos um aumento de 10%”, acredita.

O incremento é previsto por causa da migração de produtores de soja para o cultivo do arroz. O problema para muitos sojicultores é que houve um atraso na viabilização do crédito e, consequentemente, a perda do prazo ideal para plantar a oleaginosa. Para não reduzir a produtividade da soja, o produtor preferiu plantar arroz. “Nesta safra ainda tem gente procurando por sementes. Já na safra passada, a procura tinha acabado em outubro”, aponta a secretária executiva da APA, Zilmara Sobrinho.

Até ontem os orizicultores já tinham plantado 70% da área aberta para o arroz em Mato Grosso. A previsão de Maronezzi é de que até o final de dezembro todo o plantio esteja concluído. A programação vai depender da continuidade das chuvas, que de acordo com o presidente, favorece o agricultor mato-grossense.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink