Agronegócio

Argentina fixa preço mínimo ao trigo

O governo da Argentina estuda uma medida para garantir um preço mínimo para a tonelada de trigo
Por: -Redação
1 acessos

O governo da Argentina estuda uma medida, novamente polêmica na área do trigo, para garantir um preço mínimo para a tonelada de trigo. A medida visa abastecimento do grão no mercado interno e também manter os preços baixos.

O economista da consultoria Safras & Mercado, Élcio Bento, diz que a nova medida, anunciada na segunda-feira (20-11), é uma forma de subsidiar o consumo. Agora o governo vai pegar "no calo?? dos exportadores.

Pela medida anunciada, os produtores argentinos que estavam insatisfeitos com o preço de US$ 120 a tonelada recebido pelos industriais, terão garantia de preço de US$ 140 a tonelada de trigo. Os produtores se comprometeriam em vender aos industriais toda a produção do trigo (da safra 2006/07 estimada em 14 milhões de toneladas), pelo mesmo valor recebido, a US$ 140 tonelada. Com isso, os industriais poderiam exportar dois terços da produção por um custo entre US$ 170 e US$ 180 a tonelada. Enquanto isso, um terço seria vendido à indústria moageira local por um valor subsidiado a US$ 120 tonelada. "Os compradores estavam ganhando muito com as exportações de trigo com a tonelada valendo até US$ 180. Agora terão de garantir o abastecimento interno com a venda de um terço da produção a US$ 120 a tonelada. Com isso, se busca subsidiar o consumo??, diz o analista.

Esta é mais uma medida que causa "incerteza?? para o mercado brasileiro, pois até agora foram anunciadas várias medidas que ficaram apenas no papel. No mês passado, o governo argentino anunciou uma medida reduzindo o preço do valor do imposto sobre o valor agregado (IVA), mas ainda não foi regulamentado. O trigo em grão paga 20% para ser exporado a farinha seria exportada com taxa zero.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink