Arrozeiros protestam contra políticas do governo em Bagé/RS

Agronegócio

Arrozeiros protestam contra políticas do governo em Bagé/RS

Agricultores dizem ter sido traídos pelo governo Federal
Por:
1126 acessos
Agricultores dizem ter sido traídos pelo governo Federal
 
Arrozeiros do Sul do Estado promoveram um “tratoraço” pelas principais ruas de Bagé no começo da tarde desta sexta-feira em protesto contra a crise enfrentada pelo setor. Os agricultores se dizem endividados e traídos pelas autoridades federais, já que foram estimulados a investir, adquirindo máquinas e implementos, e aumentar a área cultivada, sem a garantia de preços que cubram os custos de produção.

Pela manhã, o presidente da Federarroz, Renato Rocha, os deputados federais Luís Carlos Hienze e Afonso Hamm, os presidentes da Associação dos Arrozeiros e Rural de Bagé, Ricardo Zago e Aloísio Tavares, respectivamente, mais o vice-prefeito Carlos Alberto Fico, e o vice-presidente da Farsul, Paulo Ricardo Dias participaram de um encontro em frente ao Centro Administrativo da Prefeitura.

“Nossos insumos são os mais caros do mundo”, protestou , Ricardo Zago afirmando que o setor quer subsídios do Governo para a compra de adubo, herbicida e óleo diesel usado na lavoura, a exemplo do que acontece no Uruguai. Já o presidente da Federarroz, Renato Rocha, destacou os prejuízos que a atual política traz para o setor, municípios e estados, reduzindo suas receitas. “O pecado do produtor foi à eficiência que fez dessa a maior safra de arroz de todos os tempos”, afirmou.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink