BB intensifica apoio às regiões atingidas pela estiagem em MS

Agronegócio

BB intensifica apoio às regiões atingidas pela estiagem em MS

Conforme informações da assessoria de imprensa do banco, o BB vai analisar cada caso
Por:
1 acessos

O BB (Banco do Brasil) está implantando nas agências do Mato Grosso do Sul medidas para agilizar e simplificar os procedimentos de prorrogação e reescalonamento de dívidas da safra 2004/2005 dos produtores rurais que tiveram perdas pela estiagem ocorrida em diversas regiões do Mato Grosso do Sul.

Conforme informações da assessoria de imprensa do banco, o BB vai analisar cada caso e dará prioridade, através de fluxo simplificado, para os produtores que tiveram perdas superiores a 40% nos municípios em situação de emergência reconhecidos pelo Governo Federal, atendendo, desta forma, os casos mais urgentes. Para esses produtores os financiamentos de custeio serão reescalonados por até 5 anos (dependendo do percentual de perdas);

Os produtores que tiveram perdas inferiores a 40%, bem como os mutuários do FCO Rural e Agricultura Familiar também serão atendidos mediante renegociação das dívidas existentes com o Banco, observando o prazo máximo de 5 anos.

A definição do novo prazo para as parcelas de investimento das linhas BNDES/FINAME, vencidas ou vencíveis em 2005, dependem do município onde está localizada a lavoura. Segundo o banco, para os municípios que decretaram situação de emergência reconhecida pelo Governo Federal, a orientação é que a parcela seja prorrogada para até um ano após o vencimento da última prestação. Nos demais casos as parcelas poderão ser pagas em até 3 prestações anuais.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink