Boi: Indicador e carne seguem firmes
CI
Agronegócio

Boi: Indicador e carne seguem firmes

Em meio a muitas incertezas econômicas mundiais, que dificultam o planejamento da indústria e o desempenho dos pecuaristas, o setor pecuário seguiu bastante cauteloso
Por: -Renata

Nos últimos dias, em meio a muitas incertezas econômicas mundiais, que dificultam o planejamento da indústria e o desempenho dos pecuaristas, o setor pecuário seguiu bastante cauteloso. Apesar disso, os preços da arroba de boi e também da carne no atacado interno seguiram firmes no mercado físico brasileiro, devido à baixa oferta de animais prontos para. Mesmo com frigoríficos trabalhando abaixo da capacidade de abate, as escalas seguem curtas. Entre 8 e 15 de outubro, o Indicador do boi gordo Esalq/BM&FBovespa subiu 0,25%, fechando a R$ 91,79 nessa quarta-feira, 15. Na parcial deste mês, o aumento é de 1,08%. No mercado atacadista de carne com osso da Grande São Paulo, a carcaça casada de boi valorizou 0,5% entre 8 e 15 de outubro, negociada a R$ 5,89/kg nessa quarta-feira, 15. As informações são da assessoria de imprensa do Cepea.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.