Agronegócio

Boi/CEPEA: Baixa oferta continua elevando preços

Indicador teve aumento de 1,1%
Por:
772 acessos

Pesquisadores do Cepea apontam que, no mercado doméstico, a oferta menor que a demanda tem resultado em novas altas de preços nos diferentes elos da cadeia, da reposição à carne. No acumulado de setembro (até o dia 18), o Indicador do bezerro ESALQ/BM&FBovespa (animal nelore, de 8 a 12 meses, Mato Grosso do Sul) teve aumento de 1,1%, fechando a R$ 813,02 nessa quarta-feira, 18. A média São Paulo também acumulou alta no período, de 1,85%, a R$ 792,74 na quarta. O Indicador ESALQ/BM&FBovespa do boi gordo, por sua vez, fechou em R$ 107,59 nessa quarta-feira, 18, aumento de 3,97% em relação ao dia 30 de agosto. Na maioria das regiões levantadas pelo Cepea, os preços do boi gordo mantêm o movimento de alta.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink