Brasil apresenta crescimento de 12,5% na destinação de embalagens de janeiro a setembro
CI
Agronegócio

Brasil apresenta crescimento de 12,5% na destinação de embalagens de janeiro a setembro

GO apresentou maior crescimento percentual (67,1%) em relação ao mesmo período do ano passado
Por: -Janice
Os agricultores brasileiros se mantêm na liderança no ranking dos mais conscientes do mundo, quando o assunto é a devolução das embalagens vazias de defensivos agrícolas. Fruto dessa conscientização, de janeiro a setembro deste ano, seguiram para o destino ambientalmente correto (reciclagem ou incineração) 19 mil toneladas de embalagens vazias, volume que representa um aumento de 12,5% em relação ao total processado nos primeiros nove meses de 2007 (16,9 mil toneladas). Apenas em setembro deste ano, foram destinadas 2,2 mil toneladas.

De acordo com os dados divulgados pelo inpEV (instituto que representa a indústria fabricante), os Estados que mais encaminharam embalagens vazias para o destino final de janeiro a setembro deste ano foram Mato Grosso (4,3 mil t), Paraná (3,3 mil t) e São Paulo (2,4 mil t). Já os que apresentaram maior crescimento percentual nos primeiros nove meses de 2008 em comparação ao mesmo período do ano passado, foram Goiás (67,1%), Alagoas (61,5%) e Maranhão (42,3%).

Os índices positivos do programa de destinação final brasileiro são resultado de ações conjuntas que envolvem agricultores, indústria fabricante – representada pelo inpEV –, canais de distribuição, cooperativas e poder público. As informações são da assessoria de imprensa do inpEV.

Veja abaixo os Estados que mais se destacaram na destinação de embalagens vazias nos primeiros oito meses do ano:
 

 

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.