Brasil assume mais uma presidência em fórum internacional

Informações de Mercado

Brasil assume mais uma presidência em fórum internacional

Além do Codex Alimentarius, a presidência da Amis será de um brasileiro. Marcelo Guimarães toma posse em maio
Por:
12 acessos

O representante do Brasil no Sistema de Informações de Mercado Agrícola (Amis), Marcelo Fernandes Guimarães, foi eleito nesta terça-feira (26) como seu presidente, para mandato de um ano, a partir de maio. Guimarães é assessor do Departamento de Estudos e Prospecção da Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SPA/Mapa). A presidência do Codex Alimentarius também é exercida pelo brasileiro Guilherme Costa, adido agrícola do Mapa.

Marcelo Guimarães afirma que o Brasil já vinha sendo cotado para presidência do Amis há muito tempo, em razão da posição de destaque na produção e no comércio internacional dos principais produtos agrícolas. “Essa eleição confirma nossa relevância nesses mercados e confere ainda maior credibilidade e prestígio ao Brasil junto às vinte maiores economias do mundo”, salienta.

O Amis é iniciativa do G20 (Grupo dos 20 países mais ricos) que busca aumentar a transparência dos mercados agrícolas internacionais e promover maior coordenação de políticas agrícolas, especialmente em momentos de crises.

A organização, composta pelos países membros do G20 e outros sete convidados, entre eles o Brasil, tem sua secretaria-executiva sediada na Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), em Roma, e utiliza-se basicamente de plataformas digitais e da participação de especialistas dos ministérios da agricultura dous países membros.

O Amis conta ainda com a colaboração institucional de especialistas de dez organizações internacionais, tais como Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico ou Econômico (OCDE), FAO, Banco Mundial, Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD), Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA), entre outros.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink