Braskem desenvolve resina plástica com etanol de cana

Agronegócio

Braskem desenvolve resina plástica com etanol de cana

O início da produção industrial do "polietileno verde" está previsto para o final de 2009
Por:
5 acessos

A Braskem, maior petroquímica da América Latina, anunciou nesta quinta-feira (21-06) a produção de polietileno a partir do etanol de cana de açúcar, com 100 por cento de matéria-prima renovável.

De acordo com a empresa, trata-se do primeiro polietileno desse tipo certificado mundialmente, pelo laboratório internacional Beta Analytic.

"O polímero verde da Braskem -polietileno de alta densidade, uma das resinas mais utilizadas em embalagens flexíveis- é resultado de um projeto de pesquisa e desenvolvimento que já recebeu cerca de 5 milhões de dólares em investimentos", informou a companhia em fato relevante.

O início da produção do chamado "polietileno verde" em escala industrial pela Braskem está previsto para o final de 2009. O local da planta ainda não foi definido, mas a capacidade anual deve ser de até 200 mil toneladas.

Segundo a Braskem, a produção de plásticos a partir do etanol se destina a suprir mercados que exigem produtos com desempenho e qualidade superiores, com destaque para a indústria automobilística, de embalagens alimentícias, cosméticos e artigos de higiene pessoal.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink