Brexit impacta fornecimento de farinha da Irlanda
CI
Imagem: Pixabay
MUNDO

Brexit impacta fornecimento de farinha da Irlanda

“O volume de comércio fluindo entre a Irlanda e o Reino Unido não está operando em níveis 'normais'”
Por: -Leonardo Gottems

A República da Irlanda, embora seja um grande exportador de alimentos e bebidas, depende do Reino Unido para grande parte de seu suprimento de farinha. No entanto, a saída do Reino Unido da União Europeia significa que a farinha se tornou repentinamente muito mais cara, levando os políticos irlandeses a questionar se o país deveria fazer mais do seu próprio processamento de grãos.  

A farinha produzida no Reino Unido a partir do trigo do Reino Unido pode ser importada para a Irlanda de acordo com o acordo firmado por Londres com a UE, com tarifa zero. No entanto, o uso generalizado de trigo importado, especialmente do Canadá, por moleiros do Reino Unido significa que, de acordo com as regras de origem estabelecidas pelo acordo, grande parte das importações de farinha da Irlanda estão sujeitas a tarifas. Consequentemente, o suprimento de farinha da Irlanda de repente se tornou muito mais caro. 

Em uma reunião do Comitê Especial do Seanad (Senado da Irlanda) para a Retirada do Reino Unido da UE em 29 de março, Julie Sinnamon, diretora executiva da agência governamental Enterprise Ireland, foi questionada por senadores sobre o efeito de novos acordos sob o Acordo de Retirada entre a UE e o Reino Unido sobre o setor agroalimentar. 

“O volume de comércio fluindo entre a Irlanda e o Reino Unido não está operando em níveis 'normais'”, disse Sinnamon ao comitê. “Desafios de cumprir os requisitos alfandegários e estocagem de mercadorias no quarto trimestre de 2020 na preparação para o Brexit, substituição por mercadorias de outros países e uma redução nos volumes de comércio devido ao impacto das restrições relacionadas ao COVID-19 ao longo de janeiro foram relatados por comerciantes como fatores que contribuem para esta queda no comércio”. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink