Cadeia produtiva da mandioca vai adotar Sistema de Produção Integrada

Agronegócio

Cadeia produtiva da mandioca vai adotar Sistema de Produção Integrada

A princípio, o projeto será elaborado nos estados do Paraná, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Bahia e São Paulo
Por:
311 acessos

As normas técnicas para a criação do Sistema de Produção Integrada da Mandioca estão sendo elaboradas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em parceria com todos os representantes da cadeia produtiva. A informação é do pesquisador da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, Marco Antônio Rangel, que participou, nesta terça-feira (14), da 16ª reunião ordinária do setor, em Botucatu/SP.

A princípio, o projeto será elaborado nos estados do Paraná, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Bahia e São Paulo. “A produção integrada contribuirá para termos um sistema baseado em boas práticas, com alimentos saudáveis, seguros e sem impacto ambiental”, ressaltou Rangel.

No encontro, o secretário-executivo da Câmara Setorial, Ayrton Ussami, apresentou o andamento do registro para culturas de baixo suporte fitossanitário (minor crops), que será finalizado até setembro de 2009 e contemplará os produtores de mandioca. “Essa Instrução Normativa é uma parceria do Ministério da Agricultura, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis”, explicou.

Presidência - Na reunião, o presidente João Eduardo Pasquini transmitiu o cargo para Maurício Yamakawa, da Associação Brasileira das Indústrias de Amido Modificado (Abam).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink