Café/Cepea: Dados de menor produção no BR elevam valor do arábica

Agronegócio

Café/Cepea: Dados de menor produção no BR elevam valor do arábica

Preço do café arábica segue oscilando com força no mercado interno
Por:
1626 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

O preço do café arábica segue oscilando com força no mercado interno nesta semana. Enquanto na segunda-feira a valorização do dólar elevou as cotações externas, nos outros dias, dados oficiais indicando menor produção na safra 2014/15 do Brasil sustentaram os valores na Bolsa de Nova York (ICE Futures).

As oscilações externas, por sua vez, foram repassadas ao mercado nacional, mas as negociações envolvendo o arábica seguiram lentas. Segundo a Conab, a produção brasileira de café (arábica e robusta) deve totalizar 45,1 milhões de sacas de 60 kg de grão beneficiado na temporada 2014/15, diminuição de 8,16% em relação à safra 2013/14.

Na quarta-feira, 17, o Indicador CEPEA/ESALQ do arábica tipo 6, bebida dura para melhor, posto na capital paulista, fechou a R$ 424,15/saca de 60 kg, avanço de 4,3% em relação à quarta anterior. Já no mês, o Indicador acumula queda de 6,89%. Quanto ao robusta, os preços também aumentaram em sete dias, porém em menor intensidade. O Indicador CEPEA/ESALQ do robusta tipo 6 peneira 13 acima fechou a R$ 251,26/saca de 60 kg no dia 17, alta de 0,7% em relação à quarta-feira, 10. No acumulado de setembro, porém, houve queda de 0,79%. 
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink