Café de Minas Gerais alcança preço recorde mundial

Agronegócio

Café de Minas Gerais alcança preço recorde mundial

Por:
2 acessos
O Consórcio Brasil - formado pelas empresas Santa Clara, Café Bom Dia, Cia. Cacique, Café Damasco, Café Floresta e Café Toko - pagou o maior valor já oferecido no mundo na compra de café, durante o 1º Concurso Nacional Abic de Qualidade do Café. O grupo comprou um lote de dez sacas por R$ 80.010,10, ou US$ 28.907,47. O valor superou o recorde também histórico de US$ 1.805,50 por saca, obtido no último dia 18, durante o concurso Cup of Excellence, promovido pela Brazil Specialty Coffee Association (BSCA), entidade que reúne os produtores de cafés especiais do país. Para se ter idéia, uma saca de café de boa qualidade custa normalmente até US$ 90.


O concurso promovido pela Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic) avaliou cerca de 2 mil amostras, e selecionou 54 delas. Ao todo, foram leiloados os 100 lotes considerados de melhor qualidade e eles serão vendidos no mercado interno com embalagens diferenciadas a partir do ano que vem.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink