Café entra na fase de recuperação

Agronegócio

Café entra na fase de recuperação

Por:
1 acessos

Após cinco anos com preços deprimidos, o café iniciou um período de recuperação. Estoques menores nos principais países consumidores e previsão de quebra de safra no Brasil, que lidera a produção mundial, empurraram os preços para cima no mercado externo. A puxada de preços nas Bolsas de Nova York e de Londres elevou também os preços internos, que chegaram a R$ 310 por saca em Minas Gerais.

As exportações de café voltaram a gerar divisas superiores a US$ 2 bilhões em 2004, o que não ocorria desde o final dos anos 90. Essa alta, no entanto, tem um inconveniente: atrai novos produtores, principalmente da América Central e Ásia, que têm custos maiores. A alta vem em boa hora para os produtores nacionais, que estão bastante descapitalizados devido ao ciclo de baixa nos preços nos últimos anos.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink