Cafeicultores do Peru querem maior promoção do café no exterior

Agronegócio

Cafeicultores do Peru querem maior promoção do café no exterior

Por:
167 acessos

Produtores de café solicitaram ao governo local um impulso na promoção do grão local. Segundo eles, essa iniciativa permitirá melhorar a competitividade do produto no mercado internacional. Além disso, os cafeicultores solicitam melhoras nas estradas rurais do país. A promoção do café peruano se converteu na principal preocupação dos produtores cafeeiros do país. Apesar de ser o principal produto agrícola de exportação do Peru, o café não recebe o marketing necessário no mercado externo. "O governo tem apresentado pequenas liberações de verbas para que tenhamos algumas participações em feiras internacionais. Porém, creio que devemos trabalhar mais com a marca como país", disse César Rivas Peña, presidente da JNC (Junta Nacional de Café do Peru). Ele apontou que é importante não se esquecer da infra-estrutura de produção e da liberação de recursos para melhoras a qualidade e a produtividade do café peruano. Ele lembrou que recentemente o governo liberou recursos para a renovação de 10 mil hectares de lavouras cafeeiras, no entanto, em sua opinião, esse montante é insuficiente, já que 70% das lavouras cafeeiras do país teriam produção extremamente baixa. "Mais que rejuvenescer é necessário renovar. Hoje colhemos cerca de 12,5 sacas por hectare, ao passo que a Colômbia consegue ter 35 sacas por hectare", finalizou.

As informações partem do AgnoCafé.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink