Camex reduz a zero tarifa de importação de algodão até maio de 2011
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,142 (0,44%)
| Dólar (compra) R$ 5,62 (0,18%)


Agronegócio

Camex reduz a zero tarifa de importação de algodão até maio de 2011

A redução valerá de outubro a maio de 2011, para o limite de 250 mil toneladas do produto
Por:
1289 acessos

A Câmara de Comércio Exterior (Camex) aprovou hoje (14) a redução a zero da tarifa de importação de algodão de países de fora do Mercosul. A tarifa atual é de 10%. O ministro da Agricultura, Wagner Rossi, disse que a redução valerá de outubro deste ano a maio de 2011, período de entressafra, para o limite de 250 mil toneladas do produto.

Segundo Rossi, há consenso em torno da medida entre produtores, indústria têxtil e exportadores. “Vamos garantir o suprimento necessário para a indústria têxtil, mantendo sua competitividade”, afirmou. O consenso se deu porque houve queda na produção de algodão no país e, como as vendas desta safra foram feitas antecipadamente, haverá um déficit do produto no mercado brasileiro.

O secretário-executivo substituto da Camex, André Alvim, concederá entrevista coletiva no auditório do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, para comentar as demais decisões tomadas na reunião de hoje. A Camex é composta por representantes da Casa Civil e dos Ministérios do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, da Fazenda, do Planejamento, de Relações Exteriores, da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink