Campanha combate falsificação de rolamentos agrícolas
CI
Imagem: Divulgação
ALERTA

Campanha combate falsificação de rolamentos agrícolas

Iniciativa busca minimizar as perdas além dos riscos que causa durante a operação
Por: -Eliza Maliszewski

Uma campanha busca alertar para a falsificação de rolamentos agrícolas no país. As peças possibilitam o movimento de máquinas e são usadas em diversos componentes do trator como motor, transmissão e cubos de rodas.

De acordo com a Comissão Federal de Comércio (Federal Trade Commission) a falsificação de peças automotivas no mundo gera um prejuízo de US$ 12 bilhões. No Brasil, segundo a Associação Brasileira do Combate à Falsificação (ABCF), o valor das perdas em arrecadação chega a R$ 3 bilhões. 

“Rolamento falso não é brincadeira” é uma iniciativa da fabricante de rolamentos NSK, que também tem sede no Brasil e busca minimizar as perdas do setor com peças falsificadas além dos riscos que causa durante a operação por não ter passado por nenhum teste de qualidade ou certificação. 

Além do agro a iniciativa também alerta os setores automotivo, eólico e industrial. “As peças falsificadas comprometem não só negócios, mas a segurança das pessoas. A campanha é um passo para a conscientização, mostrando como esse problema pode afetar diretamente indústrias de todos os segmentos,” comenta Ricardo Hashimoto, Diretor de Engenharia da NSK Brasil.
 
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink