Carne suína em GO
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,046 (0,55%)
| Dólar (compra) R$ 5,60 (-0,69%)


Agronegócio

Carne suína em GO

O aumento de vendas já pode ser percebido
Por:
244 acessos

ABCS - A estratégia elaborada pela Associação Goiana de Suinocultores (AGS) para aumentar o consumo da carne suína tem dado certo em Rio Verde. Com dois supermercados da rede Conquista comercializando os novos cortes de carne suína, em menos de 15 dias do inicio da campanha de vendas já possível notar os resultados. Agora, a rede que antes vendia cerca de seis cortes suínos (como bisteca, pernil e lombo) hoje já comercializa os mais de 25 cortes ensinados no treinamento para capacitação dos profissionais que aconteceu na última semana de julho.

Segundo o gerente da loja localizada no setor Morada do Sol, Robkellson Fonseca, o aumento de vendas já pode ser percebido no número de bandas de animais que são compradas semanalmente. “Antes, comprávamos apenas seis bandas semanais. Hoje, com menos de vinte dias de campanha, já elevamos esse valor para 16 bandas”. O gerente, que organizou um espaço separado para os cortes de carne suína na gôndola, ainda garante que os consumidores têm aprovado a qualidade e a praticidade dos cortes.

Daniel Cosme, líder de açougue do supermercado conta que muitos consumidores têm levado grande quantidade de cortes e se interessado por aqueles que têm menos gordura. “Vendemos muito coxão mole em pedaços pequenos, para cozido, um volume alto de bifes de lombinho e queremos agora aumentar também a venda da carne moída suína, uma grande surpresa para consumidor, que na maioria das vezes desconhece”.

Os mesmo acontece na outra loja, localizada no bairro Bandeirantes. Para o gerente da rede, Edvaldo Meleu, os resultados atingidos em tão pouco tempo tem motivado a inserção da campanha nas outras lojas. “Mais de 30 profissionais foram capacitados no treinamento, entre eles muito funcionários de outras lojas, isso facilita a inserção dos cortes e, consequentemente, o aumento de consumo”.

A gerente-executiva da AGS, Crenilda Neves, conta que o papel da promotora divulgando os cortes suínos e realizando a degustação no supermercado por quase todo o dia é essencial para alavancar as vendas. “Com a degustação atraímos a atenção do consumidor, que logo se interessa pelo produto”. Ainda segundo ela, os supermercados deverão passar a utilizar bandejas pretas ao invés das brancas, por realçarem o tom rosado da carne suína.

Iuri Pinheiro Machado, facilitador da Associação dos Granjeiros Integrados do Estado de Goiás (Agigo)- entidade parceiras das ações que estão acontecendo em Rio Verde –, conta que outros supermercados têm mostrado interesse em iniciar a campanha. “Esse é o resultado que as ações já têm proporcionado: o interesse cada vez maior dos estabelecimentos em comercializar a carne suína”.

Irineu Wessler, presidente da ABCS, destacou as ações que têm sido realizadas na cidade e parabenizou o empenho dos parceiros como a Senac, Agico, Acarv, Sindicarv e a Unimed em aumentar o consumo da carne suína. “O engajamento dessas entidades, junto à competência da AGS são aos fatores essenciais para o PNDS estar atingindo resultados tão positivos nessa região”.

Como parte de um conjunto de ações Projeto Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (PNDS), na cidade acontecem não só a comercialização de novos cortes suínos, mas também treinamento de profissionais de supermercados, e palestras para médicos sobre aos valores nutricionais da carne suína e sua importância na dieta humana.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink