China aumenta a produção de algodão no ano


Agronegócio

China aumenta a produção de algodão no ano

Por:
1 acessos

A produção algodoeira da China poderá avançar 14% este ano, porque a entrada do país na Organização Mundial do Comércio (OMC) elevou as exportações têxteis, aumentando os preços do algodão e incitando os produtores agrícolas a plantar mais, informou ontem o governo chinês. A China deve colher até 5,6 milhões de toneladas de algodão em 2003, acima das 4,9 milhões de toneladas de 2002, informa Wang Xiaohong, analista da Beijing Orient Agribusiness Consultants, órgão do Ministério da Agricultura.

Segundo Wang, "o preço se elevou tanto que o lucro da colheita convenceu alguns produtores rurais a mudar para o algodão." O preço médio fornecido para os moinhos têxteis locais avançou 39% no período de um ano, para 11,045 yuans (US$ 1.347) a tonelada. As exportações de tecidos de algodão da China em 2002 avançaram 33%, para US$ 4,3 bilhões, e de vestuário 12%, para US$ 34 bilhões. A admissão na OMC em dezembro de 2001 deu ao país quotas maiores para exportações têxteis e de roupas dos EUA e outros países membros.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink