China flexibiliza proibição de transporte de suínos para garantir oferta

Suínos

China flexibiliza proibição de transporte de suínos para garantir oferta

Mudança foi estabelecida para garantir a produção de porcos e a oferta de carne suína
Por:
72 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente

A China flexibilizou as regras sobre o transporte de porcos reprodutores e leitões nas províncias afetadas pela peste suína africana, disse o Ministério da Agricultura chinês nesta quinta-feira. A mudança, que acontece após Pequim reportar mais de 90 casos da doença altamente contagiosa desde agosto, foi estabelecida para garantir a produção de porcos e a oferta de carne suína, disse o Ministério da Agricultura e Questões Rurais em seu site.

Porcos reprodutores e leitões vindos de países que não registrem casos da doença poderão ser transportados para outras províncias, disse a pasta. Já os porcos e leitões de países que tenham registrado surtos só poderão ser transportados dentro das províncias afetadas, acrescentou. Anteriormente Pequim proibiu o transporte de porcos vivos de regiões infectadas com a doença, levando a uma queda acentuada nos preços em grandes áreas produtoras no norte do país, que geralmente vende porcos para outras regiões.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink