China prefere comprar processados em vez de matéria-prima
CI
Imagem: Divulgação
MUNDO

China prefere comprar processados em vez de matéria-prima

"À medida que a renda aumentava, a dieta média da China mudou para incluir mais carnes, laticínios e alimentos processados"
Por: -Leonardo Gottems

A partir de 2019, pela primeira vez na história, as importações chinesas de alimentos processados superam as das matérias-primas agroindustriais, segundo a TF Agroeconômica, citando informações do Valorsoja da Argentina. “Em 2019, as importações agroindustriais chinesas totalizaram US$ 133,1 bilhões, a maioria correspondendo a produtos destinados ao consumidor final, de acordo com um estudo publicado pelo Serviço Agrícola Estrangeiro do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA). Outro fato fundamental é que, em 2019, a China tornou-se o principal importador mundial de produtos agroindustriais, superando os EUA e a União Europeia”, disse a TF. 

"O aumento da renda e dos padrões de vida, juntamente com o avanço das preocupações com a urbanização e a segurança alimentar, impulsionaram as importações agroindustriais da China, especialmente desde a adesão do país à Organização Mundial do Comércio em 2001", observa o documento do USDA. "À medida que a renda aumentava, a dieta média da China mudou para incluir mais carnes, laticínios e alimentos processados, enquanto o consumo de grãos diminuiu. Entre 2000 e 2019, o consumo per capita de carne aviária aumentou 32%, o consumo de óleo de soja quadruplicou e o consumo de leite triplicou", acrescenta. 

Por volta de 2012, no entanto, o valor das importações de commodities a granel e produtos intermediários (como óleos vegetais e farinhas) chegou a um ponto de virada e parou de crescer, uma tendência que coincidiu com uma desaceleração significativa no crescimento econômico da China. "Em contrapartida, as importações de produtos orientados ao consumidor continuaram a se expandir, lideradas por carne, laticínios e produtos horticulturais", observa o relatório. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink