Chineses vão importar 20% mais carne bovina
CI
Agronegócio

Chineses vão importar 20% mais carne bovina

Aponta relatório do Rabobank
Por: -Leonardo Gottems

Devem crescer até 20% ao ano até 2018 as importações de carne bovina pela China, apontou nesta segunda-feira (28.04) relatório do Rabobank. O movimento se deve à crescente demanda e às limitações de produção dos asiáticos – o que deve favorecer tanto o Brasil como os Estados Unidos.


“As importações totais aumentarão entre 15 e 20%, cada ano, nos próximos anos... Isso posicionará a China como o mais importante destino global para a carne nos próximos anos", disse o banco global especializado no mercado especializado em alimentos e agronegócio.


De acordo com o Rabobank, há escassez de gado na China por questões estruturais, e a indústria local enfrenta desafios: “Fica atrás de outros grandes produtores de carne bovina do mundo em todos os aspectos chave, como genética, reprodução, produtividade, gestão e fontes de pasto/ração”, diz.


A instituição projeta que a China permita o acesso total para a carne bovina do Brasil nos próximos meses: “Claramente, o governo chinês está ativamente buscando alternativas para solucionar a escassez de oferta doméstica”.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink