Chuva dá início ao plantio de soja em Campo Mourão (PR)

Agronegócio

Chuva dá início ao plantio de soja em Campo Mourão (PR)

A chuva também trouxe alívio para os agricultores que apostaram nas previsões climáticas e efetuaram o plantio de milho
Por:
174 acessos

Com as chuvas que caíram nos últimos dias, os produtores rurais devem iniciar nesta semana o plantio de soja na região de Campo Mourão (PR). A chuva também trouxe alívio para os agricultores que apostaram nas previsões climáticas e efetuaram o plantio de milho. As precipitações variaram de 33 até 148 milímetros nos municípios da região. Em Campo Mourão choveu 45 milímetros.

A ocorrência de chuvas confirmou a previsão feita pelo meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Luiz Renato Lazinski, feitas durante uma palestra realizada na semana passada em Campo Mourão. Ele disse que a situação climática deve melhorar um pouco neste final de ano em relação aos últimos meses, porém alertou que os efeitos do fenômeno “La Niña” devem continuar sendo sentidos até os primeiros meses do ano que vem, com estiagens e chuvas mal distribuídas.

De acordo com o engenheiro agrônomo, Edilson Souza e Silva, do Departamento de Economia Rural (Deral), órgão da Secretaria da Agricultura do Paraná (Seab), as chuvas atingiram toda a região. Em Engenheiro Beltrão foram registrados 33 milímetros, em Araruna 41, Barbosa Ferraz 67, Boa Esperança 100, Campina da Lagoa 75, Goioerê 66, Mamborê 40, Roncador 54, Juranda 148, Iretama 39, Ubiratã 92 e Terra Boa 36.

Silva observa que em virtude das previsões de chuva para o último final de semana alguns produtores plantaram milho. “Quem apostou na chuva acabou acertando”, frisa. Até o inicio da semana passada cerca de 30% da área de milho havia sido semeada. Silva salienta que, após as chuvas, novas avaliações estão sendo realizadas.

O agrônomo recomenda para que os agricultores que irão cultivar soja em Campo Mourão, Engenheiro Beltrão e Mamborê esperem mais um pouco para iniciar com o plantio. “Tem previsão de novas chuvas e os produtores não precisam se desesperar, pois o plantio está dentro do prazo”, assinala. No Paraná, o período indicado pelo zoneamento para o plantio da soja concentra-se entre 15 de outubro a 30 de dezembro

Havia uma expectativa de que a falta de chuva pudesse diminuir a área de milho e elevar a de soja. Porém, segundo Silva, este cenário ainda não está sendo percebido. As estimativas iniciais do Deral é que nesta safra sejam cultivados 567 mil hectares de soja, cerca de 1% menor em relação a passada que foi de 573 mil hectares.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink