Chuvas não causaram perdas nos pomares de laranja
CI
Imagem: Pixabay
QUALIDADE

Chuvas não causaram perdas nos pomares de laranja

Não houve perdas, mas as precipitações estão limitando a qualidade das laranjas
Por: -Aline Merladete

As chuvas constantes das últimas semanas nas principais regiões citrícolas do estado de São Paulo não ocasionaram perdas nos pomares, mas estão limitando a qualidade das laranjas. De acordo com pesquisadores do Cepea, a elevada umidade do solo favorece a proliferação de doenças fúngicas.

De acordo com o boletim informativo do Cepea, com as precipitações frequentes, as frutas estão crescendo muito, fazendo com que a oferta de laranjas graúdas aumente – muitas vezes, atingindo tamanhos acima do desejado pelo mercado de mesa e com alta sensibilidade da casca.

Nesse cenário, o número de laranjas destinado à moagem deve crescer nos próximos dias, já que as exigências de qualidade deste segmento são menores e que a demanda no mercado de mesa está desaquecida, o que típico para este período do ano. Na média da parcial de janeiro (até o dia 21), a laranja pera é negociada a R$ 39,41/cx de 40,8 kg, na árvore, 9% inferior à de dezembro. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink