Cibercriminosos visam o agronegócio
CI
Imagem: Pixabay
TECNOLOGIA

Cibercriminosos visam o agronegócio

Hackers russos lançaram um ataque de ransomware a uma cooperativa agrícola de Iowa
Por: -Leonardo Gottems

O agronegócio está incorporando cada vez mais tecnologias habilitadas para a Internet e soluções orientadas por dados na produção agrícola, processamento de alimentos, indústrias fornecedoras, logística, comunicação com clientes e marketing de vendas. As operações agrícolas que adotaram a agricultura de precisão são ainda mais dependentes de tecnologia avançada para realizar seus negócios do dia-a-dia. As informações são do portal norte-americano World Grain.

Em 2020 e 2021, houve vários incidentes cibernéticos importantes que afetaram empresas agrícolas de todos os tamanhos, desde grandes fazendas corporativas até operações de pequeno e médio porte. O Federal Bureau of Investigation dos EUA observou algumas das maiores violações:

Em julho de 2021, uma empresa de panificação dos EUA perdeu o acesso ao seu servidor, arquivos e aplicativos, interrompendo a produção, envio e recebimento como resultado do ransomware Sodinokibi/REvil. Em janeiro de 2021, um ataque de ransomware contra uma fazenda dos EUA resultou em perdas de aproximadamente US$ 9 milhões devido ao desligamento temporário das operações.

Em novembro de 2020, uma empresa internacional de alimentos e agricultura com sede nos EUA informou que não conseguiu acessar vários sistemas de computadores vinculados à sua rede devido a um ataque de ransomware realizado pelo OnePercent Group. A empresa agrícola de Minnesota Crystal Valley Cooperative foi alvo de um ataque de ransomware em setembro de 2021 e foi forçada a desligar os sistemas devido a incidentes de segurança cibernética.

Hackers russos lançaram um ataque de ransomware a uma cooperativa agrícola de Iowa em setembro de 2021, exigindo US$ 5,9 milhões para desbloquear as redes de computadores usadas para manter as cadeias de suprimentos de alimentos e os horários de alimentação de milhões de galinhas, porcos e gado.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.