Agronegócio

Circuito InterCorte em Campo Grande reúne principais entidades da cadeia produtiva da carne bovina

Evento será entre os dias 20 e 21 de julho
Por:
5000 acessos

Evento terá novidades como a Beef Week com a participação de 39 restaurantes, Circuito Pecuário da Famasul, Cozinha Show do Senac, palestras e oficinas do Sebrae, além de um dia de campo da Embrapa sobre a Carne Carbono Neutro

A etapa de Campo Grande do Circuito InterCorte 2016, que será nos dias 20 e 21 de julho, no Centro de Convenções Albano Franco, reúne de forma inédita as principais entidades que possibilitam integrar de forma efetiva todos os elos da cadeia produtiva da carne bovina.

Em parceria com o Sistema "S" (Sest Senat, Senai, Senar/MS, Sebrae e Senac), Famasul, Abrasel MS, Semade e Governo do Estado, a Verum Eventos, que organiza o Circuito InterCorte, traz para Mato Grosso do Sul a primeira edição da Beef Week, um movimento de coordenação de cadeia produtiva da carne bovina que tem como objetivo aumentar a percepção dos centros urbanos e dos consumidores em relação à qualidade e origem da carne bovina brasileira.

Enquanto o setor produtivo se reúne para discutir melhorias e implementar tecnologias no Circuito InterCorte, o consumidor é convidado a convidado a conhecer mais sobre essa cadeia e a saborear diferentes pratos de carne bovina na Beef Week, de 18 a 24 de julho, que terá a participação de mais de 30 restaurantes em Campo Grande e Bonito, além de lojas de carne.

“Estamos tendo a oportunidade no Mato Grosso do Sul de comprovar como a união em torno de objetivos comuns faz toda a diferença no desenvolvimento do setor. O engajamento da Famasul, a participação das entidades do Sistema ‘S’, cada uma contribuindo na sua área de atuação, do Governo do Estado, das empresas e da Abrasel MS na realização da Beef Week farão história na pecuária brasileira. Temos a convicção de que é preciso integrar para crescer”, acredita Carla Tuccilio, diretora da Verum Eventos, que organiza o Circuito InterCorte.

Promovido pela quinta vez na cidade, a expectativa deste ano do Circuito InterCorte é reunir um número recorde de participantes, que em dois dias participam de palestras e debates sobre as novas tendências do mercado, programas de fidelidade, evolução genética, recuperação de pastagens, nutrição, remuneração por qualidade, manejo racional, manejo sanitário, suplementação e gestão em torno do tema central: Pecuária de ponta a ponta.

"Nosso objetivo é proporcionar ao pecuarista que participa do Circuito InterCorte uma visão completa da cadeia produtiva, oferecendo informações que podem ser aplicadas em seu dia a dia, melhorando o desempenho de sua fazenda de acordo com as demandas do mercado consumidor", ressalta Carla.

Junto com as palestras e debates, os participantes do evento podem conhecer novidades e tecnologias apresentadas por empresas de referência do setor, em uma feira de negócios. Estão confirmadas para a etapa de Campo Grande as empresas: Minerva Foods, Dow AgroScienses, Tortuga – DSM, JBS, John Deere, Marfrig, Matsuda, Cargill – Nutron, Ourofino Saúde Animal, Volkswagen, Beckhauser, Nelore Di Genio, WebGados, Toledo do Brasil, Agroceres Multimix, Novanis, ABS Pecplan, Casale, CRI Genética, DeltaGen, Milho SA, Real H, Rastrovet, Trouw Nutrition, Amiréia Pajoara, Rubber Tank, Macal, Sebre e Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos Senepol.

A organização do Circuito InterCorte e da Beef Week é da Verum Eventos, com o apoio da FAMASUL - Federação da Agricultura e Pecuária do Mato Grosso do Sul, SEBRAE/MS, SENAI, Senac, SEST/SENAT, Fecomércio MS, FIEMS – Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul, Abrasel MS – Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, Canal Terraviva, SEMADE – Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento e o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul.

Para o Governador do Estado de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, o Circuito InterCorte e a Beef Week são eventos importantes para aproximar o produtor do consumidor. “É uma grande alegria receber a InterCorte novamente no MS e encarar os grandes desafios de aproximar a produção do consumo e mostrar a qualidade da nossa carne. Trata-se de uma oportunidade para mostrar as ações governamentais que existem, como por exemplo, o programa ‘Terra Boa’, que é a troca de áreas degradadas por outras produtivas com incentivo governamental, e o programa do Novilho Precoce, que estava com uma defasagem e agora está com uma nova roupagem”, ressalta o Governador.

De acordo com o secretário da Semade, Jaime Verruck, o evento propiciará o adensamento da cadeira produtiva da carne para que viabilize e dê condições de desenvolvimento aos pequenos negócios locais – premissa do Programa Estadual de Apoio aos Pequenos Negócios – PROPEQ. “A lógica é trazer esses grandes eventos com o intuito de internalizar maiores ganhos econômicos para Mato Grosso do Sul. A Semade busca ampliar esse escopo e sabendo dessa parceria entre Famasul e InterCorte, resolveu ampliar o evento aqui no estado, trazendo a Beef Week”, explica. “Vamos mostrar que Mato Grosso do Sul tem carne de qualidade e o conjunto de estratégias que culminam no lançamento deste grande evento no estado é de fato de mostrar nosso padrão para todo o Brasil”, destaca Verruck.

O Senac/MS participa do Circuito InterCorte com dois espaços: a Cozinha Show e o Espaço Gourmet Senac, onde o público terá oportunidade de participar das oficinas shows, bem como conhecer a nova proposta de ambiente gourmet e restaurante escola que estará disponível na Nova Unidade de Gastronomia e Turismo, a ser inaugurada em 2017, em Campo Grande. O palco da Cozinha Show será liderado por alunos e docentes do Senac, que apresentarão oficinas gastronômicas, com foco nas técnicas de corte, criação e apresentação de pratos com o insumo mestre do evento, que é a carne vermelha.

Para o diretor do Senac MS, Vitor Mello, o evento é uma oportunidade para oferecer ao público um pouco das suas competências na área de gastronomia. “O Senac conta com profissionais de excelente qualidade, que dominam a teoria e a prática da gastronomia, proporcionando aos nossos alunos um aprendizado completo e de acordo com as necessidades do mercado de trabalho. Participar de um evento como este é a oportunidade de partilhar esses conhecimentos, mostrando todo o know-how desses profissionais e da instituição”, afirma.

“A união entre federações, associações e poder público permite trazer conhecimento à Mato Grosso do Sul sobre o que é mais atual no mercado. E isto é fundamental para o desenvolvimento de toda a cadeia produtiva”, afirma Edison Araújo, presidente do Conselho Deliberativo Estadual (CDE) do Sebrae e também presidente da Fecomércio/MS.

“Participaremos com orientações a proprietários de pequenos negócios envolvidos na cadeia produtiva da carne, com dicas sobre o mercado de food truck, espetinho e também cervejas artesanais – produtos que harmonizam com o alimento. É preciso ter uma visão de todo o processo, da produção à mesa do cliente”, ressalta Maristela França, diretora superintendente em exercício do Sebrae/MS. 
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink