Clima reduz potencial produtivo do trigo argentino
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,782 (-0,26%)
| Dólar (compra) R$ 5,38 (2,78%)

Imagem: Pixabay

MUNDO

Clima reduz potencial produtivo do trigo argentino

820 mil hectares estão em situação ruim
Por: -Leonardo Gottems
197 acessos

As Bolsas de Rosário (BCR) e cereal de Buenos Aires concordaram com a má notícia de que o clima está piorando para a safra de trigo e poderia levar a uma queda acentuada nas projeções de produção do cereal, afirmou a T&F Consultoria Agroeconômica. “Em particular, a falta crítica de água, com escassez de chuvas há quatro meses, se juntou na última semana a episódios pesados de geada que aumentam o estresse que as culturas vêm sofrendo”, comenta a T&F. 

“De acordo com o Guia Estratégico do Agro (GEA) da BCR, o frio de quinta-feira, 20 de agosto, quando a mínima atingiu -13,7 graus em Córdoba, elevou de 500 mil para 820 mil hectares da área central que estão entre regular e ruim. Significa metade da área plantada na faixa central do país”, completa. 

A gravidade da situação reside não apenas na intensidade da geada, mas também em sua duração, o que faz com que os solos permaneçam muito frios por muito tempo, e em um momento de seca severa. “No noroeste de Buenos Aires, onde os trigos pareciam melhores, havia geadas ‘pretas’: elas são nomeadas pela cor mostrada pelas culturas depois de serem ‘queimadas’ por temperaturas abaixo de zero”, indica. 

"Nas regiões DOA e NEA, pesquisas iniciais de expectativas de rendimento alertam potencialmente para diminuir até 50% do potencial, sem descartar perdas futuras na área. Sobre o centro da área de produção, o cereal tem baixas condições e atrasos no desenvolvimento. As geadas registradas em Córdoba e Santa Fé causaram os maiores danos em lotes de ciclos curtos que têm menos enraizamento", disse a Bolsa de Valores de Buenos Aires. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink