Colheita da mandioca avança, mas oferta ainda é considerada baixa

Mandioca

Colheita da mandioca avança, mas oferta ainda é considerada baixa

Baixa disponibilidade de raízes de 1 ciclo e meio ou superior foi o principal fator
Por:
80 acessos

Apesar do volume de chuvas ter sido menor em todas as regiões acompanhadas pelo Cepea, possibilitando o avanço da colheita, a oferta ficou abaixo do esperado, devido à baixa disponibilidade de raízes de 1 ciclo e meio ou superior.

Ao mesmo tempo, parte dos mandiocultores não demonstra interesse pela entrega de raízes mais novas, devido às baixas produtividades agrícola e industrial. Outros produtores, por sua vez, priorizam os tratos culturais.

Quanto à demanda industrial, seguiu firme, em especial pela indústria de fécula.

Nesse cenário, entre 22 e 26 de janeiro, a média a prazo para a tonelada posta fecularia foi de R$ 641,86 (R$ 1,1163 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), alta de 0,95% frente ao preço médio da semana anterior.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink