Colheita da soja chega a 67% da área

DATAGRO

Colheita da soja chega a 67% da área

Já a colheita de milho de verão atingiu 56% da área
Por: -Leonardo Gottems
332 acessos

O Brasil já colheu 67% de sua área semeada de soja até a última sexta-feira (23.03), de acordo com levantamento do analista de grãos da Datagro Consultoria, Flávio Roberto de França Júnior. O resultado representa avanço de nove pontos percentuais na comparação com a semana anterior, quando chegava a 58%.

A colheita da safra brasileira 2017/2018 está dois pontos percentuais abaixo em relação aos 69% apurados no mesmo período do ano passado. De acordo com o levantamento, porém, o desempenho deste ano está acima da média das últimas cinco temporadas, que ficou em 66%.

Com 34.971 milhões de hectares semeados, a área plantada nesta temporada atual está 3% acima do ciclo anterior. Segundo a Datagro, a manutenção de bom nível tecnológico nas lavouras e clima predominantemente regular vão garantir uma produtividade estimada em 3.322 kg/ha. Esse rendimento, porém, ficaria abaixo dos 3.365 kg/ha da safra anterior. 

Segundo França Júnior, a produção deve alcançar 116.179 milhões de toneladas, volume 2% acima da safra recorde anterior (114.213 milhões de toneladas).

MILHO

A colheita de milho de verão atingiu 56% da área, um avanço de nove pontos percentuais (contra 47% da semana anterior). “Os trabalhos só não foram mais rápidos porque os produtores estão dando preferência para colher a soja. O ritmo está bem atrasado se comparado ao percentual de 67% do ciclo anterior e a média de 63% das últimas cinco temporadas”, diz França Júnior.

De acordo com o levantamento da Datagro, o plantio da segunda safra de milho atingiu 97% da área projetada, contra 90% da semana anterior, mas abaixo dos 99% de igual período do ciclo passado. A média das últimas cinco temporadas gira em torno de 97%. Somando-se as duas safras, a área plantada está estimada em 16.458 milhões de hectares, recuo de 7% em relação ao ciclo anterior. A produção deve alcançar 87.825 milhões de toneladas, queda de 12% ante a temporada anterior.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink