Com exportações fracas nos EUA, Chicago opera com queda expressiva
CI
Agronegócio

Com exportações fracas nos EUA, Chicago opera com queda expressiva

Contrato julho/2014 da oleaginosa cai mais de 20 centavos de dólar
Por:

O pregão desta quinta-feira (05.06) na Bolsa de Mercadorias de Chicago consolida queda expressiva nos principais contratos de soja e milho. O contrato julho/2014 da oleaginosa cai mais de 20 centavos de dólar durante a sessão eletrônica, com preço próximo de US$ 14,60 por bushel.

Os investidores repercutem o relatório de exportações líquidas divulgado hoje pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), que mostra forte redução nos embarques da oleaginosa. As vendas da safra 2013/14 somaram 41,3 mil toneladas na semana encerrada em 29 de maio. O índice representa queda de 32% em relação à semana anterior e retração de 51% ante a média das últimas quatro semanas. Os negócios do ciclo 2014/15 somaram 230,5 mil toneladas no período.

Outro fator de pressão é o bom desempenho das lavouras americanas, que confirmam prognóstico de uma safra cheia no país, próxima de 98 milhões de toneladas. O último relatório de evolução de plantio apontou avanço de 19 pontos porcentuais em uma semana, chegando a 78% da área total até o dia 01 de junho.

No caso do milho o fator que mais influencia os preços é a questão climática. Há registro de chuvas no cinturão produtor de grãos dos Estados Unidos, o que favorece o desenvolvimento das lavouras.

Pelo lado da oferta e demanda os embarques norte-americanos do ciclo 2013/14 do cereal somaram 550 mil toneladas na semana encerrada em 29 de maio. O índice representa queda de 5% em relação à semana anterior, e salto de 41% frente à média das últimas quatro semanas. O contrato julho/2014 tem desvalorização de 6 centavos de dólar, e vale US$4,50 por bushel.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink