Como lidar com os surtos da mosca-dos-estábulos

Agronegócio

Como lidar com os surtos da mosca-dos-estábulos

Os trabalhos envolvem controle biológico, controle químico, utilização de armadilhas e manejo.
Por:
458 acessos

O Dia de Campo na TV vai falar sobre as pesquisas que estão ajudando pecuaristas a lidar com o surto da mosca-dos-estábulos, um parasita que causa milhões de dólares de prejuízos anualmente ao rebanho brasileiro. Pesquisas estão em andamento buscando um controle mais efetivo da mosca-dos-estábulos. Os trabalhos envolvem controle biológico, controle químico, utilização de armadilhas e manejo.

A infestação da mosca-dos-estábulos cresce e se torna preocupante para o Brasil em pelo menos cinco estados: São Paulo, seguido do Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso são os que mais sofrem com o problema. No controle biológico o estudo está sendo feito com bactérias e venenos de animais peçonhentos de ação inseticida. Segundo o pesquisador Paulo Cançado, os bovinos são os mais afetados com perdas de 10% a 30% no ganho de peso e até 50% de redução na produção leiteira.

Os surtos aumentam devido à expansão da produção de cana-de-açucar e pela proibição da queima da cana. O manejo dos resíduos de cana-de-açúcar nas usinas alcooleiras é um dos cuidados que se deve ter na hora de combater a mosca-dos estábulos. O trabalho conjunto entre usinas e fazenda contribui para o sucesso no controle da mosca-dos-estábulos.

O programa traz as recomendações técnicas para reduzir a presença do inseto em propriedades pecuárias e mostra que com ações integradas para resolver o problema será possível contribuir para o desenvolvimento sustentável de duas importantes cadeias produtivas do agronegócio brasileiro.

O Dia de Campo na TV  "Como lidar com os surtos da mosca-dos-estábulos" foi produzido pela Embrapa Informação Tecnológica (Brasília/DF) em parceria com a Embrapa Gado de Corte (Campo Grande/MS), unidades da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Além do tema principal o programa aborda outros assuntos nos quadros – Agência Embrapa de Notícias, Sempre em Dia; Repórter em Campo; Na Mesa; Quem quer ser cientista; Minuto do Livro e Ciência e Tecnologia em Debate.

Assista ao programa (horário de Brasília):
TV Câmara – sábado, às 7h, e reprise domingo no mesmo horário
NBR (TV do Governo Federal) – sexta-feira, a partir de 19h30
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink