Complexo carnes registra queda de 19,2% no Paraná
CI
Agronegócio

Complexo carnes registra queda de 19,2% no Paraná

As vendas externas de carne de frango diminuíram 9%, passando de US$ 938 milhões para US$ 823 milhões
Por: -Giuliano

O grupo carnes (aves, bovina, suína e outras) do Paraná registrou queda de 19,2%, com vendas externas de US$ 1,08 bilhão contra US$ 1,32 bilhão (-US$ 255 milhões), em função da combinação de fatores adversos, como a redução das exportações de carne de frango, os embargos impostos pela Rússia à carne suína e ocorrência de focos de febre aftosa no Estado. As vendas externas de carne de frango diminuíram 9%, passando de US$ 938 milhões para US$ 823 milhões, tendo como causa principal a retração do mercado consumidor da carne de frango brasileira.

No caso da carne suína as exportações registram queda de 76%, o valor exportado passou de US$ 186 milhões para US$ 44 milhões. O volume comercializado caiu de 91 mil toneladas para 44 mil toneladas (embargo Rússia). As vendas externas de carne bovina haja vista que ainda persistem as conseqüências do acontecido em outubro de 2005 (caso da febre aftosa), assinalam queda de 71%; passaram de US$ 82 milhões (2005) para US$ 24 milhões (2006). As informações são da Faep.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink