Compra direta favorece produtores

Agronegócio

Compra direta favorece produtores

Os alimentos adquiridos por meio do programa suplementam a alimentação de creches, escolas municipais, associações, projetos sociais e outras instituições
Por:
318 acessos
A Prefeitura Municipal de Orós, em convênio com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), lançou, no primeiro semestre de 2009, o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) - Compra Direta Local da Agricultura Familiar, que está beneficiando 107 produtores oroenses e levando alimentação de qualidade para a população do município. "Comprando os produtos de forma direta, pretendemos articular a produção da agricultura familiar e a destinação dessa produção, visando desenvolver a economia local e atender diretamente às demandas de suplementação alimentar e nutricional dos programas sociais de Orós", explica a prefeita Fátima Maciel Bezerra.
O município recebeu R$ 3 mil para adquirir diretamente dos agropecuaristas produtos como leite, queijo, iogurte, galinha caipira, peixe, frutas e verduras, dentre outros. De acordo com a nutricionista e coordenadora do Programa de Segurança Alimentar de Orós, Virlena Rios, o PAA - Compra Direta Local da Agricultura Familiar está melhorando a vida dos produtores de Orós, uma vez que eles têm garantia da comercialização e do escoamento dos produtos. "Isso aumenta a renda familiar, contribui para melhorar a qualidade de vida e, conseqüentemente, fixar os agricultores familiares no campo", afirma.
 
Os alimentos adquiridos por meio do programa suplementam a alimentação de creches, escolas municipais, associações, projetos sociais e outras instituições, combatendo a fome e os distúrbios nutricionais da população. A união entre a alimentação escolar e o PAA, por exemplo, proporciona aos estudantes oroenses alimentação farta e saudável durante todo o ano letivo.
 
A Prefeitura de Orós já trabalhava o PAA, apoiando as associações de produtores rurais, em convênio com a COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO ( CONAB), mas só agora passou a adquirir alimentos diretamente dos produtores oriundos das Associações Comunitárias da Jurema, Guassussê, Sítio Jardim, Pedregulho, Pereiro dos Pedros, Carnaubinha e Sítio Cedro. "Dentre essas, destaca-se a Associação da Jurema, que não mede esforços para melhorar a renda da comunidade e investe no beneficiamento de peixe, fabricando produtos como bolinhas, filé, buchada e lingüiça de peixe", diz Virlena Rios. Mais informações: Prefeitura do município de Orós Região Centro-Sul do Estado do Ceará Praça Anastácio Maia, 40 www.oros.ce.gov.br.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink