Conab vai leiloar 500 mil toneladas de milho de MT

Agronegócio

Conab vai leiloar 500 mil toneladas de milho de MT

Mato Grosso terá 500 mil toneladas de milho a serem comercializadas no próximo leilão da Conab, via Prêmio Equalizador Pago ao Produtor (Pepro), marcado para o dia 4 de agosto
Por:
325 acessos
O volume será 56% maior que as 320 mil/t colocadas em oferta e comercializadas no leilão realizado nessa terça-feira. O novo leilão atende ao pleito da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja/MT) que, atendendo à demanda da base, refez o pedido de aumento do volume para o estado, inicialmente sugerido em 370 mil/t.

Em reunião nesta terça-feira no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em Brasília, o presidente da Aprosoja/MT, Glauber Silveira, o diretor administrativo, Ricardo Tomczyk, e o diretor executivo, Marcelo Duarte Monteiro, solicitaram 200 mil toneladas para a região Norte, 200 mil para o Médio-Norte e 100 mil toneladas para o Sul, e foram prontamente atendidos pelo diretor do Departamento de Comercialização e Abastecimento da Secretaria de Política Agrícola, José Maria dos Anjos, e o coordenador de Cereais e Culturas Anuais, Silvio Farnesi.

Segundo Glauber, no encontro os representantes do Mapa informaram que o próximo leilão não terá limite de volume por CPF de produtor participante, assim como foi o dessa terça-feira. "Mas ficou definido que do total de leilões a serem realizados este ano, metade terá limite de 25 mil sacas por CPF", pontua, ao lembrar que a medida faz-se necessária porque possibilita que um número maior de produtores participe dos leilões.

No leilão desta terça-feira, todo o volume ofertado por Mato Grosso, de 320 mil toneladas, foi comercializado com deságios de 38,5% para o Norte (prêmio máximo de R$ 5,46 e prêmio final de R$ 3,36); de 38% para o Médio-Norte (máximo de R$ 4,86 e final de R$ 3,01) e Sul (máximo de R$ 4,26 e final de R$ 1,28).
O total pago foi de R$ 19,89 milhões em prêmio de milho para todos os estados participantes do leilão e o orçamento para as ofertas públicas para apoiar a comercialização da safra 2008/2009 do grão é de R$ 250 milhões.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink