Confederação Nacional do Transporte atrai investimentos estrangeiros
CI
Agronegócio

Confederação Nacional do Transporte atrai investimentos estrangeiros

Entidade articula implantação e desenvolvimento de projetos de infraestrutura com mais de mil investidores
Por:
Entidade articula implantação e desenvolvimento de projetos de infraestrutura com mais de mil investidores

Nos últimos anos, a Confederação Nacional do Transporte (CNT) vem articulando ações voltadas à implantação e ao desenvolvimento de projetos de infraestrutura com mais de mil investidores, sendo cerca de 200 da China. Comitivas de empresários têm visitado diversos países, inclusive a China, demonstrando o potencial de nosso país com relação às necessidades de investimentos em infraestrutura de transporte.


O presidente da CNT, senador Clésio Andrade, destaca que a Confederação busca identificar na China novas parcerias empresariais, o que pode ser muito útil para a viabilização de obras rodoviárias, ferroviárias, aeroportuárias, portuárias e hidroviárias. “O Brasil precisa desses grandes investimentos, e a China tem recursos e interesse em participar das obras de infraestrutura de transportes no Brasil”, afirma o senador Clésio Andrade.


Para consolidar as ações em desenvolvimento, a CNT dispõe de diversos estudos, como o Plano CNT de Transporte e Logística e pesquisas anuais e atualizadas sobre todos os modais. Foram identificados mais de 700 pré-projetos importantes, com o objetivo de melhorar a infraestrutura do país, reduzindo assim o custo Brasil, os impactos ambientais e contribuindo para baratear o preço final dos produtos.

Todos os potenciais investidores no Brasil, tanto da China como de outros países, mantêm contato constante com a CNT. E é de conhecimento de todos esses investidores estrangeiros o potencial de investimento em infraestrutura oferecido pelo Brasil. No entanto, é importante ressaltar que a demora do nosso governo e a dificuldade de gestão têm dificultado a consolidação dessas parcerias.

A CNT dispõe de representações na China e em diversos países na Europa com a finalidade de estimular investimentos no Brasil. Essas representações estão sendo transformadas em escritórios fixos da CNT.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.