Congresso debaterá as culturas do milho e do sorgo

Agronegócio

Congresso debaterá as culturas do milho e do sorgo

Evento ocorre entre 03 e 07 de agosto
Por:
1490 acessos

Com o tema “Eficiência nas cadeias produtivas e o abastecimento global”, acontece entre 3 e 7 de agosto, em Salvador-BA, o XXX CNMS (Congresso Nacional de Milho e Sorgo). Até o momento, estão confirmadas cerca de 450 inscrições de participantes e há aproximadamente 500 trabalhos aprovados para apresentação.
 
Um dos painéis de discussão tratará da eficiência econômica e da comercialização de grãos. Cesar Borges de Sousa, vice presidente da empresa Caramuru Alimentos, entende que “um dos maiores players do mercado internacional de milho, o Brasil tem excelentes oportunidades para fazer do grão um produto que agregue, de fato, valor à produção agrícola, incrementando a renda do produtor rural e, paralelamente, contribuindo para fortalecer o nível de atividade da economia nacional”. Também vai participar deste painel Rafael José Rorato, do Banco Mundial, que falará sobre logística de escoamento.
 
Outro assunto a ser abordado são os sistemas de produção de milho e sorgo safrinha na região Centro-Oeste. Quem vai falar sobre o tema é Gessi Ceccon, da Embrapa Agropecuária Oeste (Dourados-MS), que fez um trabalho juntamente com Claudinei Kappes, pesquisador da Fundação Mato Grosso, e com os professores Alessandro Guerra da Silva e Ricardo Francischini, da Universidade de Rio Verde. Entre as conclusões do trabalho, eles afirmam que “a colheita antecipada da soja verão tem favorecido a semeadura antecipada do milho safrinha, que tem apresentado altas produtividades nos últimos anos”.
 
Quanto ao sorgo safrinha, explicam, “é semeado após a semeadura do milho safrinha e, por isso, há tendência de redução de área cultivada de sorgo em anos em que os preços futuros de milho são satisfatórios e quando ocorre a antecipação da colheita da soja, o que viabiliza maior área cultivada com milho safrinha”.
 
Já Luciano Viana Cota, pesquisador da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG), vai falar sobre manejo integrado de doenças em sorgo. Segundo ele, “a antracnose é considerada a doença mais importante da cultura, devido à sua agressividade e ao potencial de perdas na produção em cultivares suscetíveis e sob condições quentes e úmidas O controle desta doença é obtido, principalmente, pela utilização de cultivares resistentes”.
 
Programação – A programação técnica do evento prevê 15 palestras, 16 painéis, três minicursos, cujos temas são “Produção de milho e sorgo na agricultura familiar do Semiárido”, “Sistema intensivo de produção de milho” e “Manejo fitossanitário integrado em sistemas de produção de milho”, e o I Simpósio sobre Lepidópteros Comuns a Milho, Soja e Algodão.
 
Serviço
Evento: XXX Congresso Nacional de Milho e Sorgo
Local: Salvador-BA
Data: 3 a 7 de agosto de 2014
Promoção: ABMS (Associação Brasileira de Milho e Sorgo)
Realização: EBDA (Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola) e Embrapa Milho e Sorgo
Mais informações: www.esa-comunicacao.com.br/abms/cnms2014/
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink