Contratos futuros da soja fecharam sem direção definida

Agronegócio

Contratos futuros da soja fecharam sem direção definida

Os contratos com vencimento em setembro encerraram o dia a US$ 9,6050 por bushel, alta de 12 centavos, mas novembro (pós-colheita americana) fechou a US$ 9,23, queda de 0,5 centavo
Por:
222 acessos

Os contratos futuros da soja fecharam sem direção definida ontem na bolsa de Chicago, novamente influenciados por notícias ligadas ao clima em regiões produtoras dos Estados Unidos. Ontem vigorou a expectativa de que temperaturas mais baixas do que o normal para esta época do ano em área do Meio-Oeste poderão reduzir o stress hídrico provocado pelo tempo seco, o que pode melhorar as condições das lavouras em desenvolvimento. Os contratos com vencimento em setembro encerraram o dia a US$ 9,6050 por bushel, alta de 12 centavos, mas novembro (pós-colheita americana) fechou a US$ 9,23, queda de 0,5 centavo. Em Rondonópolis (MT), a saca de 60 quilos saiu por R$ 41,20, segundo o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink