Copa Matsuda Mangalarga realiza prova na cidade de Jaú
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,046 (0,55%)
| Dólar (compra) R$ 5,60 (-0,69%)


Agronegócio

Copa Matsuda Mangalarga realiza prova na cidade de Jaú

A Copa de Andamento Matsuda Mangalarga realizará neste fim de semana a última prova classificatória para a final da competição
Por: -Silvano
1268 acessos
Nesta quinta etapa aberta, 83 animais ainda têm possibilidade de alcançar o índice seletivo para a final da competição

A Copa de Andamento Matsuda Mangalarga realizará neste fim de semana a última prova classificatória para a final da competição. A disputa, que acontecerá nas dependências do Parque de Exposições Sebastião Ferraz de Camargo Penteado, na cidade paulista de Jaú (SP), terá início às 8h da manhã de sábado, prosseguindo até a tarde deste domingo (24-10).

Iniciada no mês de março, a Copa Matsuda Mangalarga já promoveu nesta temporada dez provas em três diferentes estados, das quais participaram 193 animais. Com peso maior na classificação do campeonato, as quatro etapas abertas realizadas até o momento aconteceram nas cidades de Jundiaí (SP), Amparo (SP), Guaxupé (MG) e São João da Boa Vista (SP). Já as seis etapas regionais foram realizadas nos municípios de Guaxupé (MG), Itapetinga (BA), Itaju (SP), São Sebastião da Grama (SP), Jaú (SP) e Bocaina (SP).

Segundo a Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM), 30 animais já conseguiram índice para a prova decisiva, que acontecerá no final de novembro, oferecendo novamente atraentes premiações. A briga por uma vaga na grande final, entretanto, continua intensa. Afinal, 83 exemplares ainda podem alcançar a pontuação exigida pela entidade.

Organizada pelo Núcleo Mangalarga de Jaú, sob o comando dos mangalarguistas João Pacheco Galvão de França e Antonio Carlos Pestilli, a etapa aberta deste final de semana contará com disputas em sete categorias, três destinadas às fêmeas e quatro voltadas aos machos.

Marcha trotada

Conhecido por sua aptidão como cavalo de sela, o Mangalarga tem como grande diferencial o seu andamento exclusivo, a marcha trotada. Essa andadura natural permite aos exemplares da raça conjugar a agilidade dos equinos de trote com a comodidade dos animais marchadores, oferecendo, dessa maneira, uma montaria de andar macio, com bom ritmo tanto para o passeio como para o trabalho no campo e o esporte.

As provas de andamento foram criadas justamente para valorizar essa marcante característica da raça. Nessas disputas, os animais concorrentes são avaliados em diversos quesitos, como: deslocamento (cobertura de rastro e progressão da passada), comodidade, sincronia e elegância da movimentação, ausência de movimentos parasitas e regularidade e disposição. Apesar de separados em classes diferentes, tanto machos como fêmeas participam da disputa, subdivididos em categorias conforme a idade: 36 a 48 meses, mais de 48 a 60 meses, mais de 60 meses e, por fim, cavalos castrados com mais de 36 meses.

Mais informações sobre essa tradicional competição mangalarguista podem ser obtidas no endereço eletrônico www.cavalomangalarga.com.br ou pelo telefone (11) 3673-9400.
 
As informações são da assessoria de imprensa da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM).

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink