Criação de delegacia federal no DF fortalece agricultura familiar na região

Agronegócio

Criação de delegacia federal no DF fortalece agricultura familiar na região

Primeiro delegado da Sead no DF quer garantir acesso dos agricultores às políticas públicas
Por:
769 acessos

O produtor rural do Distrito Federal e entorno já conta com uma delegacia da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário (Sead). Com a DAFDA-DF, todos os estados brasileiros dispõem do suporte técnico da secretaria e a expectativa é de que as políticas públicas para o campo avancem ainda mais na região do DF.

A unidade foi criada em uma fase de reestruturação pela Coordenação-Geral Nacional das Delegacias Federais da Sead (Condef), com o objetivo de fortalecer o trabalho pelo país.

“São muitas políticas públicas e precisamos dar visibilidade. Através da delegacia, o agricultor pode conhecer cada uma pessoalmente. É a interlocução entre as entidades de governo e as iniciativas privadas. Agora Brasília tem isso”, afirmou o coordenador do Condef, Carlos Astolfo Caetano.

Segundo ele, o papel do delegado é representar a Sead e fazer fluir os programas implementados para o produtor rural. Quem recebeu essa missão no DF foi Kleber Carlos da Silva. 

“A capital produz muito e tem um mercado extremamente exigente. A nossa atuação chega para aprimorar o crescimento numa nova agricultura familiar. Vamos levar nossos programas até cada agricultor. Isso vai gerar trabalho e renda”, explicou o delegado.

Kleber Carlos é servidor de carreira da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), uma parceira da Sead. Teve a trajetória profissional sempre vinculada ao setor da agricultura. Para ele, a prioridade nesse novo desafio é conseguir identificar cada cooperativa, associação de agricultores e assentamentos para que possam ter acesso às políticas públicas oferecidas.

“Depois de chegarmos até cada produtor rural, a nossa outra tarefa é fiscalizar e monitorar os programas. É ver in loco se eles realmente estão funcionando, se o recurso está chegando”.

O delegado do DF ainda lembrou a importância de algumas políticas públicas da Sead para garantir a regularização da terra, financiamento do trabalho e qualidade dos produtos a serem comercializados.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink