Criada a Bolsa de Suínos do Paraná

Agronegócio

Criada a Bolsa de Suínos do Paraná

Bolsa deve organizar a comercialização de suínos dos criadores independentes
Por:
1938 acessos
Suinocultores, cooperativas e indústrias da carne reuniram-se para criar a Bolsa de Suínos, uma iniciativa inédita no Paraná. A Bolsa deve organizar a comercialização de suínos dos criadores independentes, ou seja, daqueles suinocultores que não estão integrados as indústrias. A iniciativa pretende definir, até início de junho, o volume de animais que será ofertado pela Bolsa, além de iniciar a negociação de preço com as indústrias. Um sistema semelhante já vem sendo colocado em prática em Minas Gerais. Os mineiros negociam cerca de 30 mil animais por semana neste sistema. Os preços ajustados e praticados são divulgados imediatamente a todos os produtores do estado.


No Paraná a iniciativa de criação da Bolsa do Suíno partiu da Associação dos Suinocultores da região Centro Sul (Suinosul), Associação Paranaense de Suinocultores (APS), Instituto Emater, cooperativas Agraria, Batavo, Capal e Castrolanda, produtores independentes e corretores das regiões Norte, Oeste e Sudoeste do Paraná. Na última quinta-feira, dia 5, foi realizada uma reunião com representantes dessas instituições para aprovar o regulamento da Bolsa.


Em trinta dias devem ser confirmados os nomes dos representantes indicados por cada um dos segmentos da cadeia da suinocultura. O passo seguinte será definir a metodologia de pesquisa de mercado para acompanhar os preços do suíno vivo, no frigorífico e no varejo. Essas informações serão usadas para formular um preço e negociar com as indústrias semanalmente.


Também será realizado um treinamento para os negociadores, indicados pelos associados, da Bolsa. As reuniões serão realizadas via vídeo-conferência (internet), podendo ser acompanhadas por todos os associados. Podem se associar à Bolsa todos os produtores ou grupos de produtores com produção superior a 200 suínos por semana. Os Interessados devem procurar a Emater ou a APS de seu município. O prazo para inscrição vai até o dia 05 de junho.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink