CTNBio pretende analisar mais projetos que em 2004

Agronegócio

CTNBio pretende analisar mais projetos que em 2004

A CTNBio pretende superar este ano o número de projetos com organismos geneticamente modificados analisados em 2004
Por:
1 acessos

A CTNBio pretende superar este ano o número de projetos com organismos geneticamente modificados analisados em 2004. Conforme o coordenador da entidade, Jairton do Nascimento, depois que o Tribunal Regional Federal "devolveu" à CTNBio a competência para analisar a liberação comercial, o número de projetos analisados subiu para 587 contra os oito de 2003. "Imaginamos que em 2005 o número de pleitos seja substancialmente maior."


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink