Cuba semeará maracujá
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,162 (0,92%)
| Dólar (compra) R$ 5,58 (-0,64%)


Agronegócio

Cuba semeará maracujá

País uma escola para o desenvolvimento desse cultivo
Por:
456 acessos

Havana (Prensa Latina) - Cuba semeará um hectare de maracujá com as mais modernas tecnologias e fomentará uma escola para o desenvolvimento desse cultivo, como parte da diversificação frutícola, assinalou hoje uma fonte do setor.

A diretora do Instituto de Investigações de Fruticultura Tropical, Raixa E. LLauger, informou que a estratégia nessa esfera até o ano de 2015 está encaminhada a satisfazer as necessidades desses produtos.

Incrementam-se as áreas semeadas de abacate,mamão, manga e outras frutas, incluídas as de pouca presença atualmente no arquipélago.

O maracujá, também conhecido como granadilla púrpura ou pasionaria, é uma planta trepadera originária da América-Central, mas também presentes em nações sul-americanas, africanas e na Austrália. Seu sabor é parecido com o do abacaxi e o da goiaba.

Cuba aspira a produzir em 2015 1.119.000 toneladas de uma variada gama de frutas, incluídos os cítricos, que pressupõe plantar uns 18 mil hectares por ano.

Aspira-se que cada cubano consuma diariamente 150 gramas desses produtos, que contribuem com grandes quantidades de vitaminas e minerais.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink