Cultura da cevada deverá ocupar cerca de 31 mil/ha na metade Norte do RS

Agronegócio

Cultura da cevada deverá ocupar cerca de 31 mil/ha na metade Norte do RS

Com exceção das regiões Noroeste e Alto Jacuí, as demais ainda possuem áreas de lavouras a serem semeadas
Por: -Janice
335 acessos

Entre as lavouras de inverno no Estado, a cultura da cevada deverá ocupar cerca de 31 mil hectares na metade Norte do RS. No Alto Uruguai, encerrado o plantio, o desenvolvimento da lavoura é considerado bom, com áreas já iniciando a fase de perfilhamento, livres de pragas e doenças. A produtividade esperada para essa região é de 2,7 toneladas por hectare. No trigo, as precipitações atrasaram o final do plantio da cultura no Estado. Com exceção das regiões Noroeste e Alto Jacuí, as demais ainda possuem áreas de lavouras a serem semeadas. Nessa semana, o plantio alcançou os 98% da área estimada em 860.206 ha, com 95% em bom desenvolvimento vegetativo. Segundo a diretora técnica da Emater/RS, Águeda Marcéi Mezomo, os preços pagos pela saca de trigo não está deixando os produtores satisfeitos. “No mercado interno, a saca de 60 kg está valendo R$ 23,37, ou seja, 26,60% a menos quando comparado com o mesmo período do ano passado, o que desestimula os produtores”, disse a diretora. As informações são da assessoria de imprensa da Emater/RS.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink