Curso de horta leva renda e qualidade de vida para vizinhos em Jateí (MS)

Agronegócio

Curso de horta leva renda e qualidade de vida para vizinhos em Jateí (MS)

O curso de Implantação e Manejo de Horta foi um dos mais solicitados pelos sindicatos rurais ao SENAR/MS em 2016
Por:
542 acessos

O curso de Implantação e Manejo de Horta foi um dos mais solicitados pelos sindicatos rurais ao SENAR/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul em 2016, totalizando 90 turmas e ocupando a 4ª posição no ranking de Formação Profissional. No entanto, muito mais do que qualificar, as orientações têm proporcionado qualidade de vida, geração de renda e fortalecimento dos relacionamentos entre vizinhos de propriedades rurais.

Um caso interessante aconteceu no inicio de novembro em Jateí, região sul do estado, quando a mobilizadora do sindicato rural, Érica Assunção, formou uma turma na propriedade rural em que trabalha e mora, a Fazenda Santa Izabel. O grupo de 13 trabalhadores locais e de propriedades vizinhas resolveu implantar uma horta comunitária, com objetivo de incrementar a alimentação de suas famílias.

“Foi uma experiência muito gratificante e realizada em união desde o início, já que compramos juntos os apetrechos, de ferramentas a sementes. No total foram construídos cinco canteiros com produção de cenoura, beterraba, alface, rúcula e até tomate. Eu que sempre formei as turmas pude comprovar o quanto é estimulante aprender e acompanhar os resultados”, relata a colaboradora do sindicato.

Na opinião do presidente do Sindicato Rural de Jatei, José Pereira da Silva, a parceria com o SENAR/MS em 2016 foi produtiva para o município e a tendência é que melhore ainda mais. “Tivemos vários cursos e atendemos diferentes públicos. Para o próximo ano, formalizamos o apoio da administração municipal e iniciaremos o trabalho do Agrinho nas escolas”, antecipa.

União faz a força – Outra participante é a produtora familiar, Edineia Vieira de Souza, 37 anos e que há 15 anos mora na área rural de Jateí, mas já participou de várias qualificações em Glória de Dourados. Ela reforça a importância de se conhecer técnicas corretas para o manejo das atividades rurais, independente de acumular experiência profissional. “Aprendi bastante no Curso de Horta e percebi que desperdiçava adubo, por não saber utilizar na quantidade correta, ou o melhor espaçamento e profundidade. Sempre tive amor pela terra e quero aproveitar os conhecimentos de produção sustentável no meu curso que é Pedagogia”, reforça.

Edneia conta ainda que trabalha como funcionária em uma fazenda de pecuária (Cria) onde também produz queijo, doces e conservas. “Por enquanto estou participando da horta comunitária, mas, futuramente quero montar um espaço aqui em casa para consumo próprio e dos meus familiares”, acrescenta.

A mobilizadora do sindicato rural revela que a produção está indo tão bem que já pensam em doar para comunidades da região. “As orientações do instrutor foram tão boas que não estamos dando conta de consumir os vegetais e hortaliças e já decidimos fazer doação do excedente para outras famílias que não tem condições de comprar com frequência”, conclui.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink