Curso de Produção de Própolis é realizado em Santa Margarida do Sul

Agronegócio

Curso de Produção de Própolis é realizado em Santa Margarida do Sul

A Emater/RS-Ascar e entidades parceiras de Santa Margarida do Sul têm capacitado os apicultores, para qualificar a produção de mel e de própolis.
Por:
660 acessos

A Emater/RS-Ascar e entidades parceiras de Santa Margarida do Sul têm capacitado os apicultores, para qualificar a produção de mel e de própolis. Nesta semana, de segunda a quarta-feira (04 a 06/07), foi realizado curso de Produção de Própolis, ministrado pela médica veterinária do Senar, Maristela Krugel. Organizada pelo Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar, com o apoio do Sindicato Rural e da Secretaria Municipal da Agricultura, a capacitação envolveu 12 dos 22 apicultores da associação de produtores de mel, fortalecendo uma importante atividade da agricultura familiar no município.

?Esses produtores já haviam participado do curso Apicultura - Manejo Básico e Avançado, destaca o engenheiro agrônomo da Emater/RS-Ascar, Fabiano dos Santos, ao destacar que o objetivo do curso é fazer com que os apicultores valorizem produtos da abelha, como a própolis, produto este que pode ser melhor aproveitado, aumentando a renda do produtor. ?A própolis é uma substância resinosa, adesiva e balsâmica, produzida a partir de resinas coletadas nas plantas, que misturada com a cera é trabalhada pelas abelhas?, disse.

Durante os três dias de curso, além dos conhecimentos teóricos, os apicultores foram a campo conhecer o manejo das colmeias, como a preparação das caixas para a produção de própolis e as técnicas modernas para o aumento da produtividade.

Segundo o presidente da associação, Vilamar Batista, o curso foi importante porque surge como mais uma alternativa para o apicultor, visto que é necessário estar capacitando-se constantemente. Batista antecipou que para o próximo ano está previsto o curso de Produção de Geleia Real.

A Emater/RS-Ascar apoia a associação orientando sobre a organização dos associados, bem como a qualificação, buscando a rentabilidade e o melhoramento na produção. ?Estávamos com muitos problemas na gestão e a partir deste apoio da Emater já é possível perceber vários avanços no grupo?, ressaltou Batista.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink