Agronegócio

Decisão judicial conturba união entre Fosfertil e Bunge

Decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo promete dificultar a unificação das operações da Fosfertil e da Bunge
Por: -Fernando Lopes
1 acessos
Decisão de terça-feira (26-12) do Tribunal de Justiça de São Paulo promete dificultar um pouco mais a unificação das operações da Fosfertil, maior fabricante de matérias-primas para adubos do Brasil, e da Bunge Fertilizantes, também fabricante e líder em vendas de produtos acabados no país.


Anunciada no último dia 15, a reorganização societária necessária para a unificação resultaria em uma nova empresa - Fosfertil Fertilizantes S.A. - com faturamento anual da ordem de R$ 5,5 bilhões e sinergias capazes de gerar, segundo seus proponentes, reduções de custos e aumento de eficiência entre R$ 100 milhões e R$ 130 milhões por ano.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink