Definidas regras para liberar recursos a cafezais atingidos por geada
CI
Imagem: Arquivo
PERDAS

Definidas regras para liberar recursos a cafezais atingidos por geada

Para a recuperação e replantio o orçamento deverá acompanhar de laudo técnico
Por: -Eliza Maliszewski

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento definiu as condições para a liberação de R$ 1.318.582.400 do Funcafé para financiar os produtores que tiveram perdas com a geada nos cafezais. Para essa linha de crédito, a taxa de juro está mantida em 7% ao ano.

O Voto será submetido ao Conselho Monetário Nacional, para em seguida disponibilizar essa linha de crédito aos  34 Agentes Financeiros que operam com o Funcafé, de maneira que no início de novembro o recurso esteja à disposição dos cafeicultores.

Para a recuperação e replantio das áreas afetadas o orçamento deverá acompanhar de laudo técnico expedido por Engenheiro Agrônomo acreditado pelo agente financeiro ou pela Empresa Estadual de Assistência Técnica.

Para o financiamento do replantio será exigido o enquadramento no zoneamento de risco climático em áreas que sejam aptas para a atividade cafeeira.

Os limites de crédito variam de acordo com o manejo a ser aplicado na lavoura. Decote, esqueletamento, recepa e arranquio são práticas culturais aplicadas no café, quando ocorre uma injuria na planta (climática, ataque de pragas, envelhecimento da planta, etc). Veja os valores abaixo:

Decote: R$ 300.000,00, com limite de R$ 6.000,00 por hectare, com prazo de reembolso de 2 anos com pagamento em parcela única e carência de 1 ano.

Esqueletamento: R$ 750.000,00, com limite de R$ 15.000,00 por hectare, com prazo de reembolso de 3 anos com pagamento em parcela única e carência de 2 anos.

Recepa: R$ 750.000,00, com limite de R$ 18.000,00 por hectare, com prazo de reembolso de 6 anos com pagamento em 3 parcelas anuais e carência de 3 anos.

Arranquio: R$ 750.000,00, com limite de R$ 25.000,00 por hectare, com prazo de reembolso de 8 anos  com pagamento em 5 parcelas anuais e carência de 3 anos.

Os prazos para reembolso do financiamento também seguem o tipo de manejo que será utilizado.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.