Bovinos

Demanda fraca pressiona preço do sebo bovino

Para curto o prazo a expectativa é de que demanda não melhore
Por:
15 acessos

A maior competitividade do óleo de soja frente à gordura animal resultou em queda na demanda por sebo bovino e, consequentemente, recuo nos preços.

No Brasil Central, segundo levantamento da Scot Consultoria, o produto está cotado, em média, em R$2,15/kg, sem o frete, livre de imposto. Queda de 2,3% na comparação semanal.

No Rio Grande do Sul, apesar do cenário semelhante, os preços seguem estáveis. No estado, o sebo está cotado, em média, em R$2,25/kg.

Para curto o prazo a expectativa é de que demanda não melhore, mantendo o viés de baixa.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink