Demanda mais aquecida eleva cotações do algodão

Agronegócio

Demanda mais aquecida eleva cotações do algodão

Os produtores continuaram priorizando a entrega de contratos antecipados
Por: -Silvano
114 acessos

Nos últimos dias, o mercado interno de algodão em pluma esteve mais aquecido, com presença ativa de compradores – comerciantes e indústrias têxteis. Produtores, por sua vez, continuaram priorizando a entrega de contratos antecipados, principalmente de exportação. Entre 7 e 14 de agosto, o Indicador Cepea/Esalq – 8 dias para pagamento – acumulou alta de 0,75%, fechando a terça-feira em R$ 1,1601/lp.

No 11º levantamento da safra 2006/07 de grãos, a Conab elevou a produção de algodão em pluma frente à estimativa de julho. O volume produzido pode chegar a 1.520,9 mil toneladas, aumento de 46,5% em relação à safra 2005/06 (1.037,9 mil toneladas). Comparando este volume aos registros na Bolsa de Brasileira de Mercadorias e a Minas Bolsa até a última sexta-feira, 69% da produção nacional já foi comercializada, sendo 477.605 destinada ao mercado interno e 607.065 ao externo. As informações são da assessoria de imprensa da Cepea.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink